Solo Mio

Outros blogs


proximo
qualquer lista


FastCounter by bCentral










quarta-feira, janeiro 25

Os guris muitas vezes dizem coisas engraçadas e/ou, muito verdadeiras. Outro dia deitada com os dois pra dormirem, estávamos conversando sobre a morte. Para eles, uma situação digamos assim, corriqueira. É que a avó está meio mal(da cabeça), e, apesar de achar que ela não vai morrer, toquei nesse assunto.
Eles escaparam da morte por um triz , ao nascerem. Aos 5 anos, nossa cachorra morreu... Quase aos 6, a mãe deles morreu. E aos 6, a avó, minha mãe. Então eu perguntava se eles gostariam de ir a um enterro, coisa não muito comum no Brasil - crianças em enterros. Eles sempre dão a entender que gostariam e nunca foram ao cemitério. Devem fazer mil fantasias. Eu disse que quando morrer alguém velhinho, próximo, eles vão se quiserem.
De repente falei: chega de falar de morte, vamos falar da VIDA!
E Pedro: mas estamos falando de vida, titia!

domingo, janeiro 22

Meu reino por um lugar onde neve...

sexta-feira, janeiro 20

Há algum tempo plantei uma arvorezinha. Uma mudinha minúscula que já se desenvolveu bastante e até deu flores. É fascinante acompanhar seu crescimento. hehe
Vejam como vai ficar quando crescer


terça-feira, janeiro 17



adopt your own virtual pet!



é tanta coisa que tenho pra dar que já não sei mais aonde enfiar... Vou dar tudo pro vigia aqui da vila. Ele tem 3 filhos e ainda distribui pela vizinhança. Mas só vem trabalhar um dia sim e outro não. Vai ter que levar em várias viagens. Acho que já passei da metade nas arrumações, mas ainda falta bastante.
Era pra eu ter feito isso antes do Natal, mas onde estava a minha paciência? Nunca mais vou deixar acumular tanta coisa assim. Detessssto essas arrumações! Meu armário tá meio caminho andado. Mas as cômodas, ainda nem comecei... PQP!

segunda-feira, janeiro 16

ELE passou!
Iuhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu


A Felicidade repartida com o próximo, dura eternamente. Taniguchi

domingo, janeiro 15

Eu já burra velha não consigo me acostumar com a grosseria dos outros. Credo em cruz! Tem gente que quando está com raiva da vida ataca as pessoas ao redor sem mais nem que.
Bem, essa pessoa que não vou nomear aqui, vive me dizendo: eu não entendo como até as pessoas que não gostam de ninguém, gostam de você. Ao que respondo: e por que não gostariam? Sou educada e gentil com elas.
Acho que essas coisas estão muito ligadas à inveja...
Nessas horas eu fico pensando se às vezes sou grosseira sem perceber. Será?

sexta-feira, janeiro 13

Aleluiaaaaaaaaaaaaa
Hoje finalmente comecei a arrumar meu armário. Já enchi um sacolão enorme com roupas para dar. E ainda nem cheguei na metade... E tem as cômodas também. Depois, fazer o mesmo com o armário dos guris - uma limpa geral. Nossa, estou tendo uma dificuldade enorme pra isso. Algo psicológico, só pode...

quinta-feira, janeiro 12

Queria tanto poder salvar meu blog em algum local... É tão bacana ler coisas que aconteceram há um ano atrás, por exemplo.


Aqui em casa tá todo mundo gripado, menos eu. toc toc toc
Rafael é que tá piorzinho hoje, tadinho. Quando saímos pra fono ele me disse: titia, estou com uma dor aqui (apontando a cabeça), que nunca tive antes. aiiiiiiiiiiii Depois, quando quis almoçar já bem tarde ( ele que está sempre morrendo de fome às 10 da manhã), vomitou. Gente! eu estava na cozinha e me chega o guri com cara de sufucado. Ele tinha terminado de comer - eu já tinha até lavado o prato. Eu: o que foi Rafael??? Ele tentava falar e não conseguia. Até que de repente me toquei que ele queria vomitar... E o banheiro ocupado... Era isso...


Hoje na fono, ela pediu que eu entrasse e ficamos os 3 conversando e jogando Can Can. Fono também é diversão! :p


Tenho feito novas amizades e de repente me peguei pensando nesse tema. Lembrei de uma conversa que tive há mais ou menos um ano atrás com minha melhor amiga. Somos amigas há uns 15/16 anos. Minha mãe dizia que amizade só se faz na 'infância'. Bah!
Bem, então eu virei pra ela e disse: é tão gozado nós sermos tão amigas e há tanto tempo. Somos tão diferentes! E ela espantada discordou totalmente. haha
Pra essa amiga, conto o que não conto à ninguém. Por ela, chorei de saudades lendo uma carta, logo no início (um ano mais ou menos), da nossa amizade quando ela foi morar fora do Brasil. Mas, ela sempre vem pra cá e sempre está perto mesmo longe. Ela me entende como sou e eu à ela. Adoro também seu marido e seus filhos.
Ano passado ela também me disse que fez uma limpa nas amizades, cortando várias pessoas da lista. Sobraram poucas.
Agradecida, viu? :)

quarta-feira, janeiro 11

Também gostaria de saber como a Fezoca, que tanta gente aparece por aqui e não dá ao menos um "oi". É claro que por lá o número deve ser infinitamente maior, mas por aqui até que é um número representativo.


Um dos meus contadores de estatísticas deve ter endoidado. As últimas 100 entradas indicam que alguém de uma organização de São Francisco, Califórnia, anda vindo aqui com uma freqüência estranha. Como isso não parece ter nada com nada, acho que só pode ser doideira... Mas me deixa com uma pulga atrás da orelha. hahaha


Pessoas me perguntam: mas por que isso, por que aquilo. Ao que respondo: mania minha.
Mas que raios! Será que pra tudo na vida tem que haver uma explicação lógica?
Uma das minhas manias: durmo com 3 travesseiros. Um grande, um pequeno e um minúsculo. Por que? Mania! :)
Ah, e também durmo sempre com a porta fechada e trancada. Maniaaaaaaa

terça-feira, janeiro 10

Estou tentando voltar ao meu horário normal já que essa semana Rafael volta pra fono e terapia. Tenho conseguido dormir mais cedo ao menos. Coloco o despertador para mais cedo e fico de preguiça na cama :)


Ontem assisti à "Carandiru" na tv. Por sorte vi na rede que ia passar pois, raramente assisto à Globo.
Já tinha lido o livro e resolvi assistir. Não seria o tipo de filme que assistiria se não fosse isso.
Um filme que faz a gente pensar sobre uma realidade tão distante para a grande maioria...

quinta-feira, janeiro 5

Ontem me aconteceu algo que achei incrível. Corri para atravessar a rua e estava com a bolsinha de moedas na mão. Na correria, não notei a bolsa aberta e caíram algumas moedas - uns poucos centavos que, deixei pra lá. Pois ao atravessar, um homem me disse: caíram moedas suas. E eu: ah, obrigada, deixa pra lá. Ele: não, eu vou pegar pra você. O cara foi , atravessou, pegou as moedas , voltou e me entregou. Eu agradeci e disse que tomara que voltasse muita grana para as mãos dele. hehe Ele tinha um jeito um pouco humilde. Daqui a pouco vem ele de volta com mais uma moeda! hahaha E ainda me disse: de repente vou ter que pedir seu email pro caso de encontrar mais alguma. rsrs Achei gozada essa estória do email, porque ele não tem cara de quem usa email. Mas deve usar. :)


Os anjinhos viajaram por 4 dias e aproveitei pra descansar e fazer coisas produtivas e divertidas. :) Voltaram hoje.
Esse é meu ano! escrevam aí! rsrs

Se tem uma coisa que acho intrigante é alguém me perguntar a idade dos guris, eu responder 9 anos, e me dizerem: mas e o outro? Porra! Será que pensam que sou louca? hahaha Claro que respondo com cara de 'louco é você': são gêmeos!!!
Quando eram bebês só dava para ver que eram gêmeos porque estavam sempre juntos e no mesmo carrinho. Pedro era pequeno e Rafael minúsculo. Rafael foi se desenvolvendo e alcançou Pedro. Daí dava para perceber que eram da mesma idade e gêmeos. Logo depois ele passou um pouco o Pedro, ficou maior. Mas agora, eles estão com uma diferença grande de altura - Rafael deu uma esticada e tem cara de mais velho apesar de ser o mais neném dos dois. Então quando não conhecem, nunca imaginam que sejam gêmeos...

segunda-feira, janeiro 2

É só começar
(Alzira Espíndola e Alice Ruiz)


ninguém precisa
ter talento
pra transformar
caso em descaso
já o contrário
é que é o caso
se você não tem
lamento
é preciso ser forte
é preciso ser fraco
é preciso ganhar e perder
o juízo

sai dessa pose
pára de pensar
no prejuízo
e segue em frente
tem hora pra se chegar
tem hora pra se afastar
não sabe como?
é só começar.

domingo, janeiro 1

Z
Ta Ch'u
26. A Força Domadora do Grande


Perseverança prevalece. Não comer em casa lhe trás boa sorte. é Favorável atravessar a grande água.

A Imagem
O céu dentro da montanha.Assim o homem superior torna-se conhecido por meio de muitas estórias de antigamente e feitos do passado, para fortalecer, desta forma, o seu carater.
Grande força interior e sabedoria já existem preparados para um novo caminho. Os obstáculos presentes desaparecerão e outros menores virão. Um trabalho considerável será necessário ser feito, como também é necessário vencer em vez de se submeter àqueles que se opõem a você