Solo Mio

Outros blogs


proximo
qualquer lista


FastCounter by bCentral










quarta-feira, janeiro 25

Os guris muitas vezes dizem coisas engraçadas e/ou, muito verdadeiras. Outro dia deitada com os dois pra dormirem, estávamos conversando sobre a morte. Para eles, uma situação digamos assim, corriqueira. É que a avó está meio mal(da cabeça), e, apesar de achar que ela não vai morrer, toquei nesse assunto.
Eles escaparam da morte por um triz , ao nascerem. Aos 5 anos, nossa cachorra morreu... Quase aos 6, a mãe deles morreu. E aos 6, a avó, minha mãe. Então eu perguntava se eles gostariam de ir a um enterro, coisa não muito comum no Brasil - crianças em enterros. Eles sempre dão a entender que gostariam e nunca foram ao cemitério. Devem fazer mil fantasias. Eu disse que quando morrer alguém velhinho, próximo, eles vão se quiserem.
De repente falei: chega de falar de morte, vamos falar da VIDA!
E Pedro: mas estamos falando de vida, titia!